ghlc-100.gif

Olá  ,

Tudo bem?

Na última semana dei um teaser sobre uma boa oportunidade para você ganhar as ferramentas necessárias e preparar seu mindset para liderar a transformação da inovação tanto na sua empresa quanto na sua carreira.

Nas próximas linhas, conto mais sobre o que pensamos para você: o Innovation Bootcamp.

Além disso, abordamos uma alternativa bem saudável para se resolver conflitos geracionais em grandes corporações, e tem uma ótima notícia: Pedro Waengertner, co-fundador da ACE, foi eleito um dos 12 fundadores mais inovadores pela revista ForbesA lista inclui grandes empreendedores estrangeiros e brasileiros!

Innovation Bootcamp

artes__midiagabarito_curso_copiar_2.jpg

Conversamos com centenas de profissionais que batalham pela inovação de sua empresa ou área nos últimos meses. Muitos desses intraempreendedores possuem dores similares para criar, validar e provar valor de suas iniciativas, bem como para se qualificar e ganhar ferramentas que os ajudem nessa jornada, ou até aumentem a produtividade de sua equipe e as coloque para trabalhar de acordo com os melhores métodos ágeis. 

Do outro lado, trabalhamos desde 2012 com mais de 150 startups, e há três anos ajudamos corporações a se reinventarem. Com isso, acumulamos um bom aprendizado do que precisamos fazer.

E um desses aprendizados é de que não há inovação sem o empreendedor - mesmo em grandes empresas. E é para ajudar a destravar esse potencial em executivos que criamos o Innovation Bootcamp, um workshop imersivo de três dias.

Ao final dessa experiência, os participantes terão as ferramentas para transformar sua performance e inovar de forma mais concreta dentro e fora das empresas.

Criamos uma plataforma extremamente prática e sem bullsh*t que reúne métodos de criação, validação, prototipação, gestão e muito mais. Te convido a conhecer o Innovation Bootcamp. Você vai gostar. 

 

Como você ganha o conflito de gerações?

Você não ganha, você resolve. Existe claramente uma dissonância entre as prioridades entre as gerações. Baby boomers, millenials e as gerações X, Y e Z possuem leituras completamente diferentes de mundo, sociedade e também do trabalho.

Isso vem causando certo desconforto entre corporações com estruturas mais rígidas. Você nunca ganha uma disputa dessas. Mas uma coisa é certa: existem maneiras muito inteligentes de se aproximar e beneficiar de uma pluralidade de perfis.

Mesmo algumas startups (conhecidas por serem criadas majoritariamente por jovens, de acordo com uma pesquisa do PayPal no Brasil) estão vendo os benefícios de terem conexão com o público sênior. É o que conta a Thays Bueno, head de vendas e atendimento a clientes da ACE.

>> Leia mais aqui (em tempo: você conhece o conceito de perennials?)

Leituras da semana

# Entendendo a Nintendo

Acho que quase todo mundo já viu aqueles velhos cases da Netflix matando a Blockbuster e da Kodak perdendo espaço no mundo digital (já está bem batido, eu sei). Mas tem um caso interessante de reinvenção recente: a fabricante de jogos Nintendo estava ali meio esquecida, com sérios problemas de plataforma (depois do Nintendo64, tiveram dificuldades para emplacar consoles) e até de receita. Mas de um tempo para cá, a empresa se reinventou com os lançamentos de games para celular (Super Mario Run, que não pegou no Brasil) e especialmente do Nintendo Switch. O The Brief conta um pouco da retomada, que garantiu um grande trimestre fiscal.

# Stress na cabeça: os aspectos psicológicos de empreender

Profissionais responsáveis por metas audaciosas em grandes empresas passam por diversos níveis de estresse. Mas quando você é empreendedor, o fardo é muito maior - de fato a coisa só depende de você (e do seu time). Então é muito comum vermos tanto empreendedores quanto intraempreendedores com sintomas de burnout, ansiedade e muito mais. O psicóligo Daniel Vassermann explica o tema.

# Dona Samsung e seus três CEOS

A marca coreana anunciou nesta semana não um, não dois, mas três CEO's. É uma resposta à "crise sem precedentes" que a atingiu no último mês, de acordo com a carta de renúncia do antigo mandatário, Kwon Oh-hyun.

Cada um dos novos executivos terá uma área a comandar (componentes, consumer electronics, mobile & IT) em sua jornada. Ah, também em resposta à crise, o balanço do Q3 da companhia veio bem acima do mercado, de acordo com o The Verge

 

Um abraço,

Felipe Collins
Marketing Manager | ACE

#GoACETwitter | Facebook | LinkedIn | Instagram

Not rendering correctly? View this email as a web page here.